Mas na trama, outros personagens também brotam do fundo do baú. Como é o caso de "Seu Antônio Inácio", o encantador de cobras, que nosso querido Adriano Leite, coordenador das comunidades tradicionais, nos apresentou nos idos de 2004, no Binde Bê Nossa História... um evento tradicional do Pés no Chão que homenageia a cultura caiçara.

Voltando ao Seu Antonio Inácio, Adriano conta que ele é um personagem que vivia na Praia da Figueira e tinha poderes sobrenaturais – segundo a lenda, ele se comunicava com as cobras. Em nossa história, ele cura um jovem pescador que foi mordido por cobra peçonhenta e corria risco de vida. Em seus delírios, as Sereias tentam levá-lo para as profundezas do mar. O poder e a sabedoria de Seu Antonio Inácio salvam nosso jovem, tanto da picada da cobra quanto dos perigos do encantamento das Sereias.

Os alunos estão mergulhando no texto, papeis definidos, e ensaios e mais ensaios com seus bonecos caiçaras, peixes, sereias, cobra, tubarões, redes de pesca, acompanhados por uma sonoplastia que cria paisagens sonoras e pontua os momentos de suspense e emoção.

Quem te ensinou a nadar?
Quem te ensinou a nadar?
Foi, foi marinheiro
Foi os peixinhos do mar  

 

 

O Projeto Memórias Reveladas tem patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental 

  • aaIMG_4250
  • aaIMG_4251
  • aaIMG_4255
  • aaIMG_4290
  • aaIMG_4299
  • aaIMG_4301
  • aaIMG_4306
  • aaIMG_4312
  • aaIMG_5189
  • aaIMG_5201
  • aaIMG_5209
  • aaIMG_5222
  • aaIMG_5238
  • aaIMG_5242
  • aaIMG_5408
  • aaIMG_5411
  • aaIMG_5419
  • aaIMG_5425
  • aaIMG_5447
  • aaIMG_5449
  • aaIMG_5462
  • aaIMG_5470
  • aaIMG_5516
  • aaIMG_5529
  • aaIMG_5531
  • aaIMG_5533
  • aaIMG_5551
  • aaIMG_5559
  • aaIMG_5576
  • aaIMG_5592
  • aaIMG_5604
  • aaIMG_5607
  • aaIMG_5612
  • aaIMG_5623
  • aaIMG_5853
  • aaIMG_5860
  • wow slider
  • aaIMG_6091
jquery slider by WOWSlider.com v8.7

 

 

Outubro de 2018

Enquanto segue a construção dos bonecos, dos seres marinhos e fantásticos que aparecerão na Contação da turma da Escola Sebastião Leite, nasce o texto de sua narrativa!

A Contação de História chama-se “História de Pescador”. Lindo, poético, lúdico, cativante.... E sobre o que falamos no Diário de Bordo anterior de não aparecer a parte do depoimento de Seu Lourival em que se descobre que o tubarão engoliu o braço de alguém ao abrir sua barriga: Esquece! Isso aparece sim na Contação, afinal quem falou foi o Seu Lourival, nosso pescador caiçara, avô do aluno Ruan Salinas, e não há o que duvidar: ele tem a sabedoria das coisas que cativam atores e público.

 

 

h